Paripe.net

Transporte público: contrato é assinado e cidade será dividida em três

Imagem Responsiva


Transporte público: contrato é assinado e cidade será dividida em três
Foto: Divulgação

O prefeito ACM Neto assinou nesta quinta-feira (23) contrato com os três consórcios vencedores da licitação do sistema de transporte público de Salvador. Também estiveram presentes o secretário de Urbanismo e Transporte Fábio Mota e o superintendente da Transalvador, Fabrizzio Muller. A partir de janeiro, as empresas atuarão em grupos, formando três consórcios. Cada um irá atuar em uma parte da cidade.


No Subúrbio, atuarão ônibus do consórcio Plataforma, controlando 129 linhas. No Centro, atuará a Ótima, com 145 linhas, e na Orla a Salvador Norte, com outras 158 linhas.  Os novos ônibus já devem receber novo visual e até o final do ano que vem, toda a frota já poderá ser identificada por novas cores - amarelo para o consórcio Plataforma, verde para o Ótima e azul para o Salvador Norte.


O Plataforma é formado pelas empresas Praia Grande, Axé, Boa Viagem e Joevanza. Já o consórcio Ótima é formado pelas empresas São Cristóvão, Expresso Vitória, Modelo, RD, Transporte Sol, Triunfo, União e Unibus Bahia. O consórcio Salvador Norte é composto pela BTU, ODM, Verdemar e Viação Rio Verde.


As empresas terão prazos para se adaptar às novas regras, como reordenamento das linhas, renovação da frota - os ônibus não poderão passar dos 4 anos - e monitoramento por GPS interligado com central, além de bilhetagem eletrônica plena. "Agora temos regras claras, transparentes, com segurança contratual para os empresários e mecanismos de controle. Os empresários estão mais protegidos e a Prefeitura sabe de quem cobrar, sem precisar ficar procurando culpados. Isso devia ter sido feito há 40 anos. Tudo pensando no usuário, que hoje não conta com um transporte público como merece", afirmou ACM Neto.

Informações A Tarde

Imagem Responsiva









Imagem Responsiva