Paripe.net

Direção da UPA de Escada nega paralisação e afirma normalidade no atendimento



Direção da UPA de Escada nega paralisação e afirma normalidade no atendimento
Foto: Reprodução

Nesta quarta-feira (8), o vice-presidente do Sindicato dos Médicos do Estado da Bahia (Sindimed), Luiz Américo Câmara, anunciou que os médicos da Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), do bairro de Escada iriam paralisar as atividades nesta sexta (10) por falta de cumprimento do acordo estabelecido pela unidade.
 

Porém, na manhã desta quinta (9), a direção da unidade de saúde afirmou que o atendimento segue normalmente, sem alterações e que as informações sobre paralisação das atividades dos profissionais são falsas. Em nota enviada à imprensa, a Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, entidade filantrópica gestora da UPA 24 h de Escada ainda negou a falta de reajuste nos honorários dos médicos. 
 

"A UPA 24h de Escada esclarece que o atendimento à população está sendo prestado normalmente, todos os dias e sem interrupção.
 

A Pró-Saúde Associação Beneficente de Assistência Social e Hospitalar, entidade filantrópica gestora da UPA 24 h de Escada, considera importante esclarecer:
 
1)    as informações divulgadas sobre suposta paralisação não procedem;
2)    tais informações não representam a opinião da maioria dos médicos que prestam atendimento na unidade, conforme apuração feita;
3)    a UPA 24h mantém contrato com empresas de prestação de serviços médicos. Sendo assim, não existe como ocorrer greve, pois eles recebem honorários médicos baseados no cumprimento dos plantões, conforme contrato em vigor; e
4)    a entidade assumiu a gestão da UPA 24h de Escada em setembro de 2014, há menos de um ano, portanto. Assim, é falsa a informação de que não concede reajuste dos valores há dois anos.
 

A direção da UPA 24h de Escada lamenta que informações equivocadas sejam divulgadas para confundir a população e reafirma seu compromisso de prestar um serviço de qualidade e humanizado a todos os usuários que buscam atendimento".

Imagem Responsiva









Imagem Responsiva