Paripe.net

CEU de Valéria completa dois anos com mais de 18 mil pessoas atendidas



Desde 2018, o Centro de Artes e Esporte Unificado de Valéria (CEU) de Valéria foi inaugurado com o propósito de integrar, em um mesmo espaço, atividades esportivas, ações culturais, atendimentos sociais, capacitações e encaminhamentos para o mercado de trabalho. Desde então, o equipamento tem transformado a vida de muita gente.

Em dois anos de funcionamento, as ações desenvolvidas no local já alcançaram cerca de 18,6 mil pessoas. A unidade é gerida pela Secretaria Municipal do Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel) e possui serviços e ações desenvolvidas pelas secretarias de Cultura e Turismo (Secult), e de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer (Sempre), além de representantes de outras pastas municipais.

Apenas em 2020, o equipamento desenvolveu ações com um alcance de 8.777 pessoas. Antes da pandemia, a Semtel disponibilizou atividades como futsal, vôlei, basquete, boxe, aeroboxe, jiu-jitsu, handebol e capoeira, além de oficinas de dança, zumba, ballet, ginástica rítmica e percussão. Apenas para as atividades esportivas e culturais, mil pessoas se inscreveram.

O posto avançado do Serviço de Intermediação de Mão de Obra (Simm) que funciona no local fez 664 encaminhamentos para o mercado de trabalho durante a pandemia. Já o Centro de Assistência da Referência Social (Cras) do local realizou 6.937 atendimentos, incluindo orientações, inscrição no Cadastro Único (Cadúnico), encaminhamento para programas de habitação e Primeiro Passo, entre outros.

A biblioteca Nair Goulart, administrada pela Fundação Gregório de Mattos (FGM), recebeu 840 leitores no ano passado, no período em que manteve o funcionamento. De abril a julho, a biblioteca precisou ser fechada, por conta da pandemia. O funcionamento foi retomado em agosto.

Para 2021, a intenção é promover eventos esportivos no local e ações integradas com as escolas e órgãos municipais. A população também terá acesso a cursos profissionalizantes e bilíngues, com os devidos cuidados com os protocolos geral e específicos de funcionamento por conta da Covid-19.

Estrutura – Construído em uma área de 7 mil m², o CEU de Valéria conta com um ginásio coberto, com capacidade para 200 pessoas. Além disso, abriga pista de skate, cine-teatro, salas multiuso, parque de recreação, biblioteca e uma unidade do Cras.

Todas as atividades desempenhadas pela comunidade no CEU visam contribuir para alcançar melhorias no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) da região, uma das mais carentes da cidade. O equipamento é o primeiro de Salvador e o 14º da Bahia.